Novas receitas

Kelsey Grammer planeja revitalizar a cidade de Nova York com a nova cervejaria

Kelsey Grammer planeja revitalizar a cidade de Nova York com a nova cervejaria


Em breve, você será capaz de "gritar" com as preparações do próprio ator

A cerveja de Kelsey Grammer é uma ode a sua filha e seu lugar favorito.

Kelsey Grammer chegou aos lares americanos interpretando o patrono do bar Dr. Frasier Crane em Saúde. E em breve, os fãs poderão beber com Grammer de uma maneira diferente: bebendo por conta própria cerveja artesanal.

Semana passada, o Last Tycoon ator apareceu em Live With Kelly e Ryan e falou sobre sua nova cervejaria, que ele vem trabalhando há anos para decolar.

“Estamos trabalhando nisso. Então, está demorando um pouco. Na verdade, estamos fazendo a cerveja primeiro, que será lançada em breve. ”

E a cerveja tem um nome que lhe agrada: Faith American Ale, em homenagem a sua filha mais nova, Faith Evangeline Elisa Grammer. Ele simplesmente descreveu a cerveja como “fantástica”.

A cervejaria está programada para ser inaugurada em Delaware County, no interior do estado de Nova York, e esse local também é próximo e caro a Grammer. O homem de 62 anos comprou o terreno há cerca de 25 anos e chamou-o de “lugar favorito do mundo”. Ele gastou Ações de graças lá como um menino. E quando a pequena cidade passou por tempos difíceis, Grammer procurou uma maneira de revitalizá-la. “Sempre quis devolver este lugar em particular a um senso de comunidade próspera que levantasse um pouco a todos”, disse ele. Ele espera que sua cervejaria ajude a construir o comércio da cidade.

A cervejaria ainda não tem data de inauguração.

A Grammer’s Faith American Ale fará parte da lista das nossas melhores cervejas em 2018? Quem sabe! Mas até então, Clique aqui para descobrir A Refeição Diária50 melhores cervejas do mundo.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "The King’s Speech" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN “ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários”.

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo 'Nightline' muda para 'GMA'

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha judicial na qual Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda uma investigação sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no badalado bairro de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

O que assistir na segunda-feira, 31 de maio: uma dose dupla de Gordon Ramsay com as estréias da temporada de "Hell’s Kitchen" e "Gordon Ramsay: Uncharted", a estréia de "HouseBroken" e os shows do Memorial Day.

Os produtores estão procurando se sindicalizar para proteger seus direitos na era do streaming, mas provavelmente enfrentarão forte resistência de grandes empresas de mídia.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "O Discurso do Rei" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN “ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários”.

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo 'Nightline' muda para 'GMA'

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha judicial na qual Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda uma investigação sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no badalado bairro de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

O que assistir na segunda-feira, 31 de maio: uma dose dupla de Gordon Ramsay com as estréias da temporada de "Hell’s Kitchen" e "Gordon Ramsay: Uncharted", a estréia de "HouseBroken" e os shows do Memorial Day.

Os produtores estão procurando se sindicalizar para proteger seus direitos na era do streaming, mas provavelmente enfrentarão forte resistência de grandes empresas de mídia.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "O Discurso do Rei" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN “ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários”.

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo 'Nightline' muda para 'GMA'

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha legal em que Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda um inquérito sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no badalado bairro de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

O que assistir na segunda-feira, 31 de maio: uma dose dupla de Gordon Ramsay com as estréias da temporada de "Hell’s Kitchen" e "Gordon Ramsay: Uncharted", a estréia de "HouseBroken" e os shows do Memorial Day.

Os produtores estão procurando se sindicalizar para proteger seus direitos na era do streaming, mas provavelmente enfrentarão forte resistência de grandes empresas de mídia.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "The King’s Speech" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN “ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários”.

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo 'Nightline' muda para 'GMA'

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no programa “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha legal em que Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda um inquérito sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no badalado bairro de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

O que assistir segunda-feira, 31 de maio: uma dose dupla de Gordon Ramsay com as estréias da temporada de "Hell’s Kitchen" e "Gordon Ramsay: Uncharted", a estréia de "HouseBroken" e os shows do Memorial Day.

Os produtores estão procurando se sindicalizar para proteger seus direitos na era do streaming, mas provavelmente enfrentarão forte resistência de grandes empresas de mídia.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "The King’s Speech" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN "ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários".

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo 'Nightline' muda para 'GMA'

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no programa “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha judicial na qual Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda um inquérito sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no bairro da moda de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

O que assistir na segunda-feira, 31 de maio: uma dose dupla de Gordon Ramsay com as estréias da temporada de "Hell’s Kitchen" e "Gordon Ramsay: Uncharted", a estréia de "HouseBroken" e os shows do Memorial Day.

Os produtores estão procurando se sindicalizar para proteger seus direitos na era do streaming, mas provavelmente enfrentarão forte resistência de grandes empresas de mídia.


Tomadas rápidas: Scrubbed ‘King’s Speech’ recebe classificação PG-13

Apenas dois dias antes do 83º Oscar, a Motion Picture Assn. of America disse na sexta-feira que atribuiu uma classificação PG-13 a uma versão alternativa de "O Discurso do Rei" na qual, disse uma fonte, a profanação que lhe rendeu uma classificação R foi silenciada.

A MPAA disse que também renunciou a uma regra que exige que o distribuidor retire totalmente a versão original do filme dos cinemas por 90 dias antes de substituí-la por uma alternativa.

“O Discurso do Rei”, que foi indicado para 12 prêmios da Academia, já arrecadou US $ 106 milhões no mercado interno. A nova versão deve auxiliar o filme a conquistar um público ainda maior.

Parker sai da arena de Spitzer

Depois de apenas quatro meses, Kathleen Parker está deixando seu posto como co-âncora de "Parker Spitzer", disse a CNN na sexta-feira.

A partir de segunda-feira, o show assumirá um formato de conjunto com “vários criadores de notícias, convidados e colaboradores” se juntando ao único apresentador restante, Eliot Spitzer, todas as noites. Ele operará com um novo título, “Na Arena”.

A CNN disse que Parker continuará a aparecer na CNN “ocasionalmente para fornecer suas ideias e comentários”.

“Parker Spitzer” foi o primeiro grande passo no plano da CNN de revitalizar sua audiência do horário nobre. Mas depois de estrear em outubro, ele lutou contra a baixa audiência.

O executivo ‘Nightline’ muda para ‘GMA’

A ABC News colocou o executivo encarregado de "Nightline" no comando do "Good Morning America".

A rede disse na sexta-feira que James Goldston é o novo produtor executivo sênior do programa matinal. Ele está substituindo Jim Murphy, que está saindo para se tornar o produtor executivo do novo talk show sindicado de Anderson Cooper, que estréia no outono.

A vice-presidente de Goldston, Jeanmarie Condon, assumirá como produtora executiva de "Nightline".

Juiz abre processo contra Seinfeld

Um juiz da cidade de Nova York abriu um processo no qual um autor de um livro de receitas acusa Jerry Seinfeld de prejudicar sua reputação ao zombar dela na televisão.

O juiz disse que estava claro que o comediante estava brincando quando chamou a autora Missy Chase Lapine de “maluca” no “Late Show With David Letterman” em 2007.

Em uma decisão apresentada na sexta-feira, a juíza Marcy Friedman disse que Seinfeld também tem o direito constitucional de expressar sua opinião.

O processo resultou de uma batalha legal em que Lapine acusou a esposa de Seinfeld, Jessica, de roubar sua ideia de um livro sobre como fazer as crianças comerem de forma saudável. Seinfeld ridicularizou o processo contra Letterman, dizendo que Lapine estava acusando sua esposa de "plágio vegetal".

Um tribunal federal rejeitou o processo de direitos autorais no ano passado.

O advogado de Lapine, Howard Miller, disse que ele e seu cliente estavam avaliando a opinião e decidiriam mais tarde se apelariam. Ele não fez nenhum outro comentário.

O advogado de Seinfeld, Orin Snyder, classificou a decisão como "uma vitória completa para Jerry, e também uma vitória para a 1ª Emenda e o direito dos comediantes de contar piadas".

Dior suspende John Galliano

Christian Dior suspendeu seu famoso estilista John Galliano na sexta-feira, enquanto se aguarda uma investigação sobre as acusações de que ele fez comentários racistas contra um casal em um bar de Paris.

Cerca de uma semana antes de Galliano apresentar a coleção de Dior em Paris, a polícia foi chamada a um bar no badalado bairro de Marais na noite de quinta-feira, onde encontrou o estilista distribuindo uma torrente de bêbados de abuso a um casal, disse uma fonte policial.

O advogado de Galliano, Stephane Zerbib, disse que duas queixas foram feitas à polícia contra seu cliente por fazer comentários racistas ou anti-semitas - um crime na França - mas disse que Galliano "firme e formalmente" negou fazê-lo.

O museu Barnum precisa de milhões

Um museu de Connecticut que celebra o exuberante showman P.T. Barnum precisará levantar até US $ 17 milhões para renovar e consertar seu prédio histórico danificado por um tornado em junho passado.

As autoridades disseram na sexta-feira que os reparos custarão US $ 6 milhões ou US $ 7 milhões. Mas a reforma do espaço de exposição e o conserto de outras áreas no edifício Bridgeport devem elevar o custo para entre US $ 15 milhões e US $ 17 milhões.

Sinos de casamento: Kelsey Grammer, que se divorciou de sua terceira esposa, Camille, em 10 de fevereiro, se casou novamente na sexta-feira, casando-se com Kayte Walsh em Nova York.

Por dentro do negócio de entretenimento

The Wide Shot traz notícias, análises e percepções sobre tudo, desde streaming de guerras até produção - e o que tudo isso significa para o futuro.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

Mais do Los Angeles Times

What to watch Monday, May 31: A double dose of Gordon Ramsay with the season premieres of “Hell’s Kitchen” and “Gordon Ramsay: Uncharted,” the premiere of “HouseBroken” and Memorial Day concerts.

Producers are looking to unionize to protect their rights in the streaming era, but will likely face stiff resistance from major media companies.


Quick Takes: Scrubbed ‘King’s Speech’ gets PG-13 rating

Just two days before the 83rd Academy Awards, the Motion Picture Assn. of America said Friday it has assigned a PG-13 rating to an alternative version of “The King’s Speech” in which, a source said, the profanity that earned it an R rating has been muted out.

The MPAA said it also has waived a rule that requires the distributor to fully withdraw the original version of the film from theaters for 90 days before replacing it with an alternative.

“The King’s Speech,” which is nominated for 12 Academy Awards, has already grossed $106 million domestically. The new version should assist the film in gaining an even wider audience.

Parker leaves Spitzer’s arena

After only four months, Kathleen Parker is leaving her post as the co-anchor of “Parker Spitzer,” CNN said Friday.

Starting Monday, the show will take on an ensemble format featuring “several newsmakers, guests and contributors” joining the sole remaining host, Eliot Spitzer, each night. It will operate under a new title, “In the Arena.”

CNN said that Parker will continue to appear on CNN “occasionally to provide her insights and commentary.”

“Parker Spitzer” was the first big step in CNN’s plan to revitalize its prime-time ratings. But after premiering in October, it struggled with low ratings.

‘Nightline’ exec moves to ‘GMA’

ABC News has put the executive in charge of “Nightline” at the helm of “Good Morning America.”

The network said Friday that James Goldston is the new senior executive producer of the morning show. He is replacing Jim Murphy, who is leaving to become executive producer of Anderson Cooper’s new syndicated talk show, which debuts in the fall.

Goldston’s top deputy, Jeanmarie Condon, will take over as “Nightline” executive producer.

Judge tosses suit against Seinfeld

A New York City judge has thrown out a lawsuit in which a cookbook author accused Jerry Seinfeld of hurting her reputation by mocking her on television.

The judge said it was clear the comedian was joking when he called author Missy Chase Lapine a “wacko” on “Late Show With David Letterman” in 2007.

In a ruling filed Friday, Justice Marcy Friedman said Seinfeld also has a constitutional right to express his opinion.

The suit stemmed from a legal battle in which Lapine accused Seinfeld’s wife, Jessica, of stealing her idea for a book on how to get children to eat healthy. Seinfeld ridiculed the lawsuit on Letterman, saying Lapine was accusing his wife of “vegetable plagiarism.”

A federal court tossed out the copyright suit last year.

Lapine’s lawyer, Howard Miller, said he and his client were evaluating the opinion and would decide later whether to appeal. He had no other comment.

Seinfeld’s attorney, Orin Snyder, called the decision “a complete victory for Jerry, and also a victory for the 1st Amendment and the right of comedians to tell jokes.”

Dior suspends John Galliano

Christian Dior suspended its star fashion designer John Galliano on Friday pending an inquiry into accusations that he hurled racist remarks at a couple in a Paris bar.

About a week before Galliano was due to present Dior’s collection in Paris, police were called to a bar in the city’s trendy Marais district on Thursday evening where they found the designer doling out a drunken torrent of abuse to a couple, a police source said.

Galliano’s lawyer, Stephane Zerbib, said two complaints had been filed with police against his client for making racist or anti-Semitic comments — a crime in France — but he said Galliano “firmly and formally” denied doing so.

Barnum museum needs millions

A Connecticut museum celebrating flamboyant showman P.T. Barnum will need to raise up to $17 million to renovate and repair its historic building damaged by a tornado last June.

Officials said Friday that repairs will cost $6 million or $7 million. But overhauling exhibition space and fixing other areas in the Bridgeport building are expected to raise the cost to between $15 million and $17 million.

Wedding bells: Kelsey Grammer, who was divorced from his third wife, Camille, on Feb. 10, tied the knot again Friday, marrying Kayte Walsh in New York.

Inside the business of entertainment

The Wide Shot brings you news, analysis and insights on everything from streaming wars to production — and what it all means for the future.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

More From the Los Angeles Times

What to watch Monday, May 31: A double dose of Gordon Ramsay with the season premieres of “Hell’s Kitchen” and “Gordon Ramsay: Uncharted,” the premiere of “HouseBroken” and Memorial Day concerts.

Producers are looking to unionize to protect their rights in the streaming era, but will likely face stiff resistance from major media companies.


Quick Takes: Scrubbed ‘King’s Speech’ gets PG-13 rating

Just two days before the 83rd Academy Awards, the Motion Picture Assn. of America said Friday it has assigned a PG-13 rating to an alternative version of “The King’s Speech” in which, a source said, the profanity that earned it an R rating has been muted out.

The MPAA said it also has waived a rule that requires the distributor to fully withdraw the original version of the film from theaters for 90 days before replacing it with an alternative.

“The King’s Speech,” which is nominated for 12 Academy Awards, has already grossed $106 million domestically. The new version should assist the film in gaining an even wider audience.

Parker leaves Spitzer’s arena

After only four months, Kathleen Parker is leaving her post as the co-anchor of “Parker Spitzer,” CNN said Friday.

Starting Monday, the show will take on an ensemble format featuring “several newsmakers, guests and contributors” joining the sole remaining host, Eliot Spitzer, each night. It will operate under a new title, “In the Arena.”

CNN said that Parker will continue to appear on CNN “occasionally to provide her insights and commentary.”

“Parker Spitzer” was the first big step in CNN’s plan to revitalize its prime-time ratings. But after premiering in October, it struggled with low ratings.

‘Nightline’ exec moves to ‘GMA’

ABC News has put the executive in charge of “Nightline” at the helm of “Good Morning America.”

The network said Friday that James Goldston is the new senior executive producer of the morning show. He is replacing Jim Murphy, who is leaving to become executive producer of Anderson Cooper’s new syndicated talk show, which debuts in the fall.

Goldston’s top deputy, Jeanmarie Condon, will take over as “Nightline” executive producer.

Judge tosses suit against Seinfeld

A New York City judge has thrown out a lawsuit in which a cookbook author accused Jerry Seinfeld of hurting her reputation by mocking her on television.

The judge said it was clear the comedian was joking when he called author Missy Chase Lapine a “wacko” on “Late Show With David Letterman” in 2007.

In a ruling filed Friday, Justice Marcy Friedman said Seinfeld also has a constitutional right to express his opinion.

The suit stemmed from a legal battle in which Lapine accused Seinfeld’s wife, Jessica, of stealing her idea for a book on how to get children to eat healthy. Seinfeld ridiculed the lawsuit on Letterman, saying Lapine was accusing his wife of “vegetable plagiarism.”

A federal court tossed out the copyright suit last year.

Lapine’s lawyer, Howard Miller, said he and his client were evaluating the opinion and would decide later whether to appeal. He had no other comment.

Seinfeld’s attorney, Orin Snyder, called the decision “a complete victory for Jerry, and also a victory for the 1st Amendment and the right of comedians to tell jokes.”

Dior suspends John Galliano

Christian Dior suspended its star fashion designer John Galliano on Friday pending an inquiry into accusations that he hurled racist remarks at a couple in a Paris bar.

About a week before Galliano was due to present Dior’s collection in Paris, police were called to a bar in the city’s trendy Marais district on Thursday evening where they found the designer doling out a drunken torrent of abuse to a couple, a police source said.

Galliano’s lawyer, Stephane Zerbib, said two complaints had been filed with police against his client for making racist or anti-Semitic comments — a crime in France — but he said Galliano “firmly and formally” denied doing so.

Barnum museum needs millions

A Connecticut museum celebrating flamboyant showman P.T. Barnum will need to raise up to $17 million to renovate and repair its historic building damaged by a tornado last June.

Officials said Friday that repairs will cost $6 million or $7 million. But overhauling exhibition space and fixing other areas in the Bridgeport building are expected to raise the cost to between $15 million and $17 million.

Wedding bells: Kelsey Grammer, who was divorced from his third wife, Camille, on Feb. 10, tied the knot again Friday, marrying Kayte Walsh in New York.

Inside the business of entertainment

The Wide Shot brings you news, analysis and insights on everything from streaming wars to production — and what it all means for the future.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

More From the Los Angeles Times

What to watch Monday, May 31: A double dose of Gordon Ramsay with the season premieres of “Hell’s Kitchen” and “Gordon Ramsay: Uncharted,” the premiere of “HouseBroken” and Memorial Day concerts.

Producers are looking to unionize to protect their rights in the streaming era, but will likely face stiff resistance from major media companies.


Quick Takes: Scrubbed ‘King’s Speech’ gets PG-13 rating

Just two days before the 83rd Academy Awards, the Motion Picture Assn. of America said Friday it has assigned a PG-13 rating to an alternative version of “The King’s Speech” in which, a source said, the profanity that earned it an R rating has been muted out.

The MPAA said it also has waived a rule that requires the distributor to fully withdraw the original version of the film from theaters for 90 days before replacing it with an alternative.

“The King’s Speech,” which is nominated for 12 Academy Awards, has already grossed $106 million domestically. The new version should assist the film in gaining an even wider audience.

Parker leaves Spitzer’s arena

After only four months, Kathleen Parker is leaving her post as the co-anchor of “Parker Spitzer,” CNN said Friday.

Starting Monday, the show will take on an ensemble format featuring “several newsmakers, guests and contributors” joining the sole remaining host, Eliot Spitzer, each night. It will operate under a new title, “In the Arena.”

CNN said that Parker will continue to appear on CNN “occasionally to provide her insights and commentary.”

“Parker Spitzer” was the first big step in CNN’s plan to revitalize its prime-time ratings. But after premiering in October, it struggled with low ratings.

‘Nightline’ exec moves to ‘GMA’

ABC News has put the executive in charge of “Nightline” at the helm of “Good Morning America.”

The network said Friday that James Goldston is the new senior executive producer of the morning show. He is replacing Jim Murphy, who is leaving to become executive producer of Anderson Cooper’s new syndicated talk show, which debuts in the fall.

Goldston’s top deputy, Jeanmarie Condon, will take over as “Nightline” executive producer.

Judge tosses suit against Seinfeld

A New York City judge has thrown out a lawsuit in which a cookbook author accused Jerry Seinfeld of hurting her reputation by mocking her on television.

The judge said it was clear the comedian was joking when he called author Missy Chase Lapine a “wacko” on “Late Show With David Letterman” in 2007.

In a ruling filed Friday, Justice Marcy Friedman said Seinfeld also has a constitutional right to express his opinion.

The suit stemmed from a legal battle in which Lapine accused Seinfeld’s wife, Jessica, of stealing her idea for a book on how to get children to eat healthy. Seinfeld ridiculed the lawsuit on Letterman, saying Lapine was accusing his wife of “vegetable plagiarism.”

A federal court tossed out the copyright suit last year.

Lapine’s lawyer, Howard Miller, said he and his client were evaluating the opinion and would decide later whether to appeal. He had no other comment.

Seinfeld’s attorney, Orin Snyder, called the decision “a complete victory for Jerry, and also a victory for the 1st Amendment and the right of comedians to tell jokes.”

Dior suspends John Galliano

Christian Dior suspended its star fashion designer John Galliano on Friday pending an inquiry into accusations that he hurled racist remarks at a couple in a Paris bar.

About a week before Galliano was due to present Dior’s collection in Paris, police were called to a bar in the city’s trendy Marais district on Thursday evening where they found the designer doling out a drunken torrent of abuse to a couple, a police source said.

Galliano’s lawyer, Stephane Zerbib, said two complaints had been filed with police against his client for making racist or anti-Semitic comments — a crime in France — but he said Galliano “firmly and formally” denied doing so.

Barnum museum needs millions

A Connecticut museum celebrating flamboyant showman P.T. Barnum will need to raise up to $17 million to renovate and repair its historic building damaged by a tornado last June.

Officials said Friday that repairs will cost $6 million or $7 million. But overhauling exhibition space and fixing other areas in the Bridgeport building are expected to raise the cost to between $15 million and $17 million.

Wedding bells: Kelsey Grammer, who was divorced from his third wife, Camille, on Feb. 10, tied the knot again Friday, marrying Kayte Walsh in New York.

Inside the business of entertainment

The Wide Shot brings you news, analysis and insights on everything from streaming wars to production — and what it all means for the future.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

More From the Los Angeles Times

What to watch Monday, May 31: A double dose of Gordon Ramsay with the season premieres of “Hell’s Kitchen” and “Gordon Ramsay: Uncharted,” the premiere of “HouseBroken” and Memorial Day concerts.

Producers are looking to unionize to protect their rights in the streaming era, but will likely face stiff resistance from major media companies.


Quick Takes: Scrubbed ‘King’s Speech’ gets PG-13 rating

Just two days before the 83rd Academy Awards, the Motion Picture Assn. of America said Friday it has assigned a PG-13 rating to an alternative version of “The King’s Speech” in which, a source said, the profanity that earned it an R rating has been muted out.

The MPAA said it also has waived a rule that requires the distributor to fully withdraw the original version of the film from theaters for 90 days before replacing it with an alternative.

“The King’s Speech,” which is nominated for 12 Academy Awards, has already grossed $106 million domestically. The new version should assist the film in gaining an even wider audience.

Parker leaves Spitzer’s arena

After only four months, Kathleen Parker is leaving her post as the co-anchor of “Parker Spitzer,” CNN said Friday.

Starting Monday, the show will take on an ensemble format featuring “several newsmakers, guests and contributors” joining the sole remaining host, Eliot Spitzer, each night. It will operate under a new title, “In the Arena.”

CNN said that Parker will continue to appear on CNN “occasionally to provide her insights and commentary.”

“Parker Spitzer” was the first big step in CNN’s plan to revitalize its prime-time ratings. But after premiering in October, it struggled with low ratings.

‘Nightline’ exec moves to ‘GMA’

ABC News has put the executive in charge of “Nightline” at the helm of “Good Morning America.”

The network said Friday that James Goldston is the new senior executive producer of the morning show. He is replacing Jim Murphy, who is leaving to become executive producer of Anderson Cooper’s new syndicated talk show, which debuts in the fall.

Goldston’s top deputy, Jeanmarie Condon, will take over as “Nightline” executive producer.

Judge tosses suit against Seinfeld

A New York City judge has thrown out a lawsuit in which a cookbook author accused Jerry Seinfeld of hurting her reputation by mocking her on television.

The judge said it was clear the comedian was joking when he called author Missy Chase Lapine a “wacko” on “Late Show With David Letterman” in 2007.

In a ruling filed Friday, Justice Marcy Friedman said Seinfeld also has a constitutional right to express his opinion.

The suit stemmed from a legal battle in which Lapine accused Seinfeld’s wife, Jessica, of stealing her idea for a book on how to get children to eat healthy. Seinfeld ridiculed the lawsuit on Letterman, saying Lapine was accusing his wife of “vegetable plagiarism.”

A federal court tossed out the copyright suit last year.

Lapine’s lawyer, Howard Miller, said he and his client were evaluating the opinion and would decide later whether to appeal. He had no other comment.

Seinfeld’s attorney, Orin Snyder, called the decision “a complete victory for Jerry, and also a victory for the 1st Amendment and the right of comedians to tell jokes.”

Dior suspends John Galliano

Christian Dior suspended its star fashion designer John Galliano on Friday pending an inquiry into accusations that he hurled racist remarks at a couple in a Paris bar.

About a week before Galliano was due to present Dior’s collection in Paris, police were called to a bar in the city’s trendy Marais district on Thursday evening where they found the designer doling out a drunken torrent of abuse to a couple, a police source said.

Galliano’s lawyer, Stephane Zerbib, said two complaints had been filed with police against his client for making racist or anti-Semitic comments — a crime in France — but he said Galliano “firmly and formally” denied doing so.

Barnum museum needs millions

A Connecticut museum celebrating flamboyant showman P.T. Barnum will need to raise up to $17 million to renovate and repair its historic building damaged by a tornado last June.

Officials said Friday that repairs will cost $6 million or $7 million. But overhauling exhibition space and fixing other areas in the Bridgeport building are expected to raise the cost to between $15 million and $17 million.

Wedding bells: Kelsey Grammer, who was divorced from his third wife, Camille, on Feb. 10, tied the knot again Friday, marrying Kayte Walsh in New York.

Inside the business of entertainment

The Wide Shot brings you news, analysis and insights on everything from streaming wars to production — and what it all means for the future.

Você pode ocasionalmente receber conteúdo promocional do Los Angeles Times.

More From the Los Angeles Times

What to watch Monday, May 31: A double dose of Gordon Ramsay with the season premieres of “Hell’s Kitchen” and “Gordon Ramsay: Uncharted,” the premiere of “HouseBroken” and Memorial Day concerts.

Producers are looking to unionize to protect their rights in the streaming era, but will likely face stiff resistance from major media companies.


Assista o vídeo: FRANÇA: UMA GUERRA CIVIL ESTA EM COMBUSTAO LENTA NA FRANÇA !!!